JAMAIS COMETA ESTES ERROS NO SEU NEGÓCIO DE VINHOS

Há momentos em que os baixos resultados nas vendas não estão associados necessariamente com as práticas do seu Negócio de Vinhos, mas sim com os pequenos detalhes que você deixa de prestar atenção e que vão matando seu faturamento.

No artigo de hoje, citei os principais erros que você pode estar cometendo no seu Negócio de Vinhos. Confira.

Não conhecer as necessidades dos consumidores. 

Será que os produtos que você entrega são os que eles procuram? Quais são as experiências que mais atraem os seus clientes? Para conhecer as necessidades e desejos do cliente, faça pesquisas frequentemente, esteja atento aos feedbacks, coloque-se no lugar do cliente e interaja com eles através dos canais digitais.

Não fazer perguntas, questionando as dificuldades dos clientes

Entender onde o cliente mais tem dificuldades facilitará a entrega de soluções práticas, resultando numa boa experiência de compra. Saiba o que os clientes acham das soluções que já são oferecidas pelos seus concorrentes. Isso pode evidenciar grandes oportunidades até então não exploradas.

Não promover degustações

A degustação é uma ótima estratégia para positivar as suas vendas. Ela permite que o cliente conheça o produto e sinta desejo em adquiri-lo.

A maior vantagem de promover degustação é a experiência proporcionada ao consumidor, gerando valor ao seu negócio. 

Falando em experiências, ofereça uma degustação harmonizada. E não se preocupe em ter um super chef cozinhando, você pode oferecer tábuas de frios, petiscos, comidas simples e práticas. Foque no perfil de clientes que tendem a apreciar a degustação, evitando a perda de tempo e dinheiro com clientes que não tem perfil para os produtos oferecidos na degustação.

Identifique os vinhos que mais chamam mais a atenção do seu público e quais precisam de giro de estoque. Identifique estes rótulos e trace a sua estratégia de degustações partindo desses rótulos. A degustação pode ser aberta ao público, ou fechadas para um grupo específico.

Esperar o cliente te procurar

Jamais faça isso! É você quem deve iniciar o contato, levando informações e novidades ao cliente. Mostre que você o valoriza e quer proporcionar a ele as melhores experiências com os seus vinhos.

Não praticar o pós-venda.

A venda não termina quando o cliente finaliza a compra. Entre em contato alguns dias depois, para saber o que ele achou dos produtos e iniciar um relacionamento com o cliente. Através de feedbacks de clientes é possível saber se os produtos vendidos atendem as necessidades e desejos do consumidor, se será necessário ajustar as ações ou até mesmo parar de trabalhar com determinados rótulos.

Se você já cometeu algum destes erros, não se preocupe. Errar é permitido e também normal. O importante é aprender com os próprios erros e buscar a evolução. Esse é o segredo para ter um Negócio de Vinhos de sucesso!

Até a próxima!

1 comentario

Deixe um comentário para Lindiomar Pereira de Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.